top of page
  • Black Facebook Icon
  • Black Twitter Icon
  • Black Pinterest Icon
  • Black Instagram Icon

bhavana

Índice

Bhavana

Treinando a mente

Pare, de repente., o que você estiver fazendo, algumas vezes por dia, sente e torne-se consciente de sua respiração. Entregue-se ao momento presente e aceite o que você está sentindo e o que está percebendo. Não tente mudar nada, apenas respire e deixe acontecer como é, e seja você mesmo exatamente como é. Quando se sentir pronto para mover-se, mova-se na direção em que o seu coração diz para mover-se, com mente plena e resolução.

Para usar a respiração em sintonia com a plena atenção, afine-se com a sensação que entra... e com a sensação que sai... simplesmente sinta a respiração. Não force nada, não se pergunte se está fazendo certo, não fique pensando sobre sua respiração... Apenas sinta-a ...

Examinar a natureza da impaciência e da raiva quando elas nascerem, pode ser especialmente importante quando você estiver pressionado ou bloqueado para tomar uma atitude... Tente não ceder à sensação, ouvindo cuidadosamente o seu coração... E respire... respire...

Confiando no momento presente, aceitando o que quer que sinta, ou pense, ou veja neste exato instante, você pode descobrir que cada momento vale a sua confiança. Repetindo isso muitas vezes, em variadas circunstâncias, poderá descobrir que dentro de você existe uma saudável camada de autoconfiança, que pode ser ativada pela sua intuição através das ressonâncias do presente momento.

Uma boa maneira de cultivar a mente plena, é capturar nossos momentos, dando atenção a eles. Devemos estar atentos para o risco de, ao focar nossa atenção na mente, em segundos cairmos na inconsciência outra vez, no piloto automático. Esses lapsos podem se originar numa certa insatisfação com o que estamos vendo, ou sentindo, ou fazendo no momento. Nossa mente, então, tenta criar alguma coisa nova, mudar as coisas... Através do exercício de manter a mente focada num objeto, podemos observar o hábito da mente de escapar do momento.

A concentração é o ponto central da prática da mente plena. Para refletir as coisas com precisão, precisamos ter a mente calma e estável através da concentração, praticando-a, por exemplo, como uma capacidade visual de focar a atenção num objeto, conjugando essa concentração no ritmo da respiração. Sempre que nos distraímos, trazemos de volta a respiração à atenção ao objeto focado...

Nossa energia fica inteiramente colocada nesse “lembrar-se – a – todo – momento – de – novo” ...

Cultivando atitudes e qualidades mentais elevadas, podemos nos assegurar que nossas mentes serão uma fonte de compaixão, claridade e ação correta. A paciência, por exemplo, é uma qualidade baseada na mais profunda ética.

 

Cultivando a paciência, estamos exercitando a plena atenção à endêmica atividade da mente, febril e impaciente, sempre na iminência de nos transpor à sensações desagradáveis. Sensações que querem achar um responsável para as coisas não estarem saindo como deviam. Da perspectiva da paciência, as coisas acontecem porque outras coisas acontecem. Nada é separado ou isolado. O exercício da paciência pode começar quando paramos tudo e sentamos para dar plena atenção ao fluxo da nossa respiração.

Mente plena não é uma maneira de desligar-se das preocupações e pressões do mundo. Não se trata de ligar ou desligar coisas. Podemos, sim, fazer as coisas de maneira inteligente, sem tornar nossa vida mais estressada do que já é. O estresse, de uma certa forma, faz parte da vida, do ser humano...

Não podemos parar as ondas, mas podemos aprender a surfar...

O treino mental não é um tipo de manipulação mágica que vai fazer com que o vento cesse, de forma a tornar a superfície da água tranqüila como um lago...

 

Nem seria uma maneira inteligente de lidar com as ondas...

Podemos, sim, através de treinar a mente, encontrar abrigo do vento que agita a água, ou então, aprender a surfar.

Norberto José Teixeira

abril de 2003

Josana Camilo
© É expressamente proibida a cópia, reprodução e divulgação do material exposto, através de qualquer meio, sem a autorização por escrito do autor e da proprietária do site.

bottom of page